Resumo e avaliação das propostas para senador do ES

Continuando minhas pesquisas para as eleições 2014, não faz sentido estudar tanto os candidatos a presidente, se não estudarmos e fizermos boas escolhas também para os outros cargos, especialmente os do legislativo (senadores e deputados), que são quem aprovam as novas leis.

Meus critérios para avaliação de candidatos a governador, senador e deputados:

Candidatos que tenham propostas coerentes com as propostas e critérios que julguei importantes na escolha para presidente. Para que o presidente consiga implementar suas propostas através de uma rede colaborativa de outros cargos do executivo e legislativo.

SENADO

Pra que serve um senador?

“Ao lado da Câmara dos Deputados, o Senado compõe o Congresso Nacional, formando o Poder Legislativo. Cada unidade federativa tem direito a eleger três senadores a fim de garantir o equilíbrio nas decisões. Como o Poder Legislativo brasileiro é bicameral (Senado e Câmara), uma lei só entra em vigor depois que ela é aprovada pelas duas Casas e assinada pelo presidente da República. A maioria das proposições encaminhada pela Presidência, como medidas provisórias e projetos, é votada primeiro na Câmara para só então ser analisada pelo Senado. O Senado só avalia primeiro quando o projeto parte de seus parlamentares. As propostas ligadas a leis orçamentarias tramitam ao mesmo tempo nos dois parlamentos, enquanto os vetos presidenciais a projetos de lei precisam ser avaliados pelo Senado e pela Câmara em sessões conjuntas. Cabe a ele processar e julgar o presidente da República, o procurador-geral da República, além de ministros de Estado e do Supremo Tribunal Federal. Também cabe aos senadores aprovar a escolha dos ocupantes de cargos-chave da administração, como o do procurador-geral da República e do presidente e diretores do Banco Central, por exemplo.”

Dito isso, e partindo da mesma premissa de pesquisar os principais candidatos, pesquisei as propostas de Rose de Freitas, João Coser e Neucimar Fraga através de entrevistas concedidas por eles ao G1.

PMDB, Rose de Freitas

Resumo:

A candidata trabalha principalmente sobre 3 pilares: saúde, educação e agricultura. Sendo saúde e educação as bases para que as pessoas possam se qualificar e se manter em suas regiões, ajudando a desenvolver estas regiões através da agricultura.

Principais tópicos da sua proposta:

– Desejo de aumento da expressividade das mulheres na câmara (hoje são apenas 10%);

– Saúde: reabertura do hospital Dório Silva, na Serra. Continuação de trabalhos de prevenção iniciados como deputada (trouxe a campanha de vacinação contra o HPV e a campanha novembro azul) e continuação da expansão das UPAs no interior.

– Desenvolvimento sócio – econômico: A Agricultura tem mantido o PIB brasileiro nos últimos 10 anos. E 27% do que se consome na mesa da região Sudeste sai do Espírito Santo. Incentivos a Agricultura, mas potencializando também a industrialização, através de escolas para que esse crescimento se dê de uma maneira ordenada, racional, praguimaticamente para que a economia possa sobreviver e alavancar o progresso para a região.

– Educação: expansão de escolas técnicas que possibilitem capacitação da mão-de-obra para alavancar o crescimento sócio-econômico.

Minha percepção sobre o candidato:

Apesar de fazer sentido em um contexto de desenvolvimento da agricultura, não faz menção a pontos que julgo importantes para o desenvolvimento do estado e do país. Muito ruralista, além de não mencionar o meio ambiente em sua proposta de evolução sócio-econômica como pilar importante, além de ter votado a favor do novo código florestal (código este que sou contra, pois só beneficia as empresas e agricultores, e não o meio ambiente).

PT, João Coser

Resumo:

O candidato trabalha principalmente com a proposta de novo pacto federativo, no sentido de prover mais recursos aos municípios para que eles possam melhorar a prestação de serviços a sociedade. Segundo ele, a união dá o recurso para a construção (por exemplo, de um hospital), mas não dá recurso para a manutenção (médicos, assistentes, equipamentos etc.)

Principais tópicos da sua proposta:

– Saúde: solução dos problemas de alagamento do estado, principalmente Vila Velha e Cariacica. Criação de espaço para o idoso (a exemplo da escola em tempo integral, porém para idosos), onde ele possa passar o dia com atividades físicas e mentais, o que atua na prevenção da saúde.

– Desenvolvimento sócio – econômico: Estender os benefícios da Sudene que já existem para a região norte (e que ajudaram a desenvolve-la), também para a região sul do estado, de forma a distribuir o desenvolvimento, e não concentrá-lo.

– Educação: estabelecimento de escolas em tempo integral, especialmente em bairros mais periféricos e em risco social. Mais tempo na escola = melhoria da qualidade do aprendizado e melhoria de indicadores de violência.

Valorizar os profissionais da educação e ampliação do acesso a línguas, tudo indo ao encontro das novas distribuições de recursos.

Minha percepção sobre o candidato:

Gostei das suas propostas, é a favor de propostas que convergem com as propostas que julguei importantes para presidente, que consistem no tratamento de causas (prevenção) e não consequências. Além de falar sobre o desenvolvimento do sul do estado, realmente necessário. Os pontos em negrito são os que mais gostei.

PV, Neucimar Fraga

Resumo:

O candidato trabalha principalmente com a proposta de reformas (penal, tributária, educacional, política).

Principais tópicos da sua proposta:

– Reformas: reforma do código penal com endurecimento de algumas penas e agilidade no julgamento dos processos. Reforma tributária com unificação das alíquotas e redução da carga tributária. Reforma política com fim das coligações. Reforma educacional com obrigação do governo federal a prover vaga em universidade para todos os alunos que concluem o ensino médio.

– Saúde: na entrevista, não encontrei citação específica a saúde.

– Desenvolvimento sócio – econômico: prover mais recursos aos municípios para que eles possam melhorar a prestação de serviços a sociedade. Reequilíbrio do desenvolvimento econômico através do crescimento no desenvolvimento da região sul, através de atração de novas empresas para a região.

– Educação: reforma na educação de forma que municípios, estados e união sejam responsáveis igualitários pela educação no país (hoje o aluno passa 14 anos sob responsabilidade do município, 3 anos sob responsabilidade do estado e nenhum ano sob responsabilidade do governo federal).

– Infraestrutura: inclusão do ES em grandes projetos nacionais. Porto de águas profundas, aeroporto, ferrovia RJ-ES-BA, duplicação de BRs. Projeto de mobilidade urbana (ciclovias, responsabilidade ambiental)

– Segurança: defender a penalização do menor infrator reincidente, garantindo que após completar 18 anos, ele conclua o pagamento da pena e não seja liberado com a ficha limpa.

Minha percepção sobre o candidato:

Gostei das suas propostas, bem parecidas com a do candidato anterior, porém cita também questões de infraestrutura, segurança, reforma tributária e política, além do desenvolvimento sustentável. Os pontos em negrito são os que mais gostei. O ponto negativo é que não citou nenhuma proposta específica na área da saúde.

Ranking:

  1. João Coser – 131
  2. Neucimar Fraga – 433
  3. Rose de Freitas – 156

Apesar de Neucimar ter apresentado mais propostas interessantes em alguns pontos não citados pelos outros, para mim os critérios mais pesados são saúde e educação.

Fonte: entrevistas G1 e Folha Vitória

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s