Top 10 projetos incríveis

Tem um site que eu gosto muito e ele sempre divulga muitos projetos incríveis e inspiradores, daqueles que a gente para e pensa “caraca, por que ninguém nunca tinha pensado nisso?!”. Sempre compartilho na minha página do facebook quando vejo algum que gosto muito. Mas nem sempre eles estão neste site e acabam também ficando perdidos. Então resolvi fazer esse post com meus top 10, quem sabe alguém topa reproduzir por aí!

  1. Jovens criam página no face para contar histórias de moradores de rua

Vinícius Lima, 18 anos, e André Soler, 21 anos, se incomodavam com o fato dos moradores de rua serem “invisíveis” e montaram a SP Invisível, uma página criada nas redes sociais para mostrar a vida por trás dos cobertores. A página conta com mais de 50 mil seguidores e já serviu de inspiração para pessoas de outras cidades, como Rio de Janeiro, Curitiba, Campo Grande e Fortaleza. O bacana deste projeto é que ajuda o lado emocional, as pessoas se sentem minimamente importantes. Achei uma ideia maravilhosa. Ta com tempo e passou por um morador de rua? Troca uma ideia. =)

Fonte: Programa Encontro com Fátima Bernardes e http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/sp/2014-10-11/jovens-criam-projeto-para-contar-historias-de-moradores-de-rua.html~

  1. Escola troca cadeiras por bicicletas ergométricas para prevenir obesidade

Crianças e adolescentes passam, em média, cinco horas por dia sentados na cadeira da escola assistindo a aulas e fazendo exercícios no caderno. Isso os ensina a ser sendentários. Uma escola na Carolina do Norte trocou as cadeiras das salas reservadas para a leitura de livros por bicicletas ergométricas. O resultado? No final do ano, a proficiência de leitura das crianças que utilizaram a bicicleta em vez da cadeira era 50% maior e as crianças se sentiam mais estimuladas à prática de outras atividades físicas, além de ajudar os hiperativos. O projeto, que começou há 5 anos, já foi levado para mais de 30 outras escolas. Em um dos países onde a obesidade é um dos maiores problemas da saúde, essa ideia é fantástica!! Deviam adotar aqui também.

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2014/10/escola-troca-cadeira-por-bicicleta-para-prevenir-obesidade/

  1. ONG cria “loja” para moradores escolherem suas roupas oriundas de doação

A primeira “loja de caridade” do mundo, na cidade do Cabo, funciona ao ar livre, com alguns pôsteres de papelão que penduram as roupas e acessórios oferecidos, gratuitamente, àqueles que não têm condições de comprá-las. O projeto funciona – e somente dessa maneira – graças às doações de itens dados pela própria população local, gerando uma verdadeira troca de gentileza, solidariedade e experiências. Conheço muita gente que tem costume de doar roupas a pessoas carentes. Essa é uma forma muito bacana de fazer isso e dar mais dignidade a quem recebe, promovendo uma experiência que possivelmente essas pessoas jamais teriam, a de comprar uma roupa que gostou numa loja. E já teve gente reproduzindo por aqui: http://www.hypeness.com.br/2014/08/loja-ao-ar-livre-permite-que-moradores-de-rua-facam-compras-de-graca/

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2014/01/moradores-de-rua-aproveitam-doacoes-em-pop-up-store-solidaria-na-calcada/

  1. Projeto ensina grafitti para idosos

Em Lisboa, o LATA65 surgiu com o objetivo de inserir idosos no universo do grafitti, aproximando os menos jovens a uma forma de expressão geralmente associada aos mais novos, e provando que envelhecimento ativo, solidariedade e aprendizado entre gerações faz cada vez mais sentido. Além disso, envelhecimento ativo é menos doença e mais saúde, contribuindo também para a saúde preventiva e a saúde pública de uma forma geral. Você sabe fazer alguma coisa legal e faz alguma ação social em asilo? Leve arte para os velhinhos! É uma forma muito bonita de ajudar!

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2013/10/projeto-ensina-a-arte-do-graffiti-para-idosos/

  1. Prefeitura de Curitiba troca lixo por alimento

Esse ta pertinho da gente! A prefeitura de Curitiba tem um programa chamado Câmbio Verde que, ao mesmo tempo que ajuda a reduzir a quantidade de lixo na cidade, complementa a alimentação das famílias, por meio da troca de lixo reciclável por alimentos. Programa já antigo que poderia ser copiado pelas outras cidades!

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2014/10/curitiba-troca-lixo-reciclavel-por-alimentos/

  1. Brasileiro cria projeto do bem dando 30 presentes para 30 desconhecidos

O Lucas Jatobá, um brasileiro que mora em Sydney, na Austrália, resolveu dar 30 presentes para 30 desconhecidos que encontrasse na rua durante a entrega. O resultado? Muito carinho, novas amizades e o mais importante: a inspiração pra muitas outras pessoas fazerem o mesmo! Bacana demais, fazer o bem sem olhar a quem!

Ainda no clima de gerar gentileza, tem o projeto “doe sentimentos” que doa nas ruas um coração (de feltro, papel ou outro material) e uma mensagem de gentileza e pedido para reprodução da ideia. Saiba mais aqui: http://www.hypeness.com.br/2014/08/entrevista-hypeness-o-projeto-que-esta-espalhando-gentileza-pelas-cidades-do-brasil/

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2012/09/brasileiro-cria-projeto-do-bem-dando-30-presentes-para-30-desconhecidos/

  1. Arte na favela no RJ

O projeto, chamado “Tudo de cor para você”, é liderado pelas Tintas Coral e começou há dois anos na favela de Santa Marta para renovar as fachadas das casas, muros e escadarias. De lá pra cá, mais de 270 imóveis foram pintados, incluindo espaços emblemáticos da favela, como a quadra de samba, a escadaria principal ou o local onde em 1996 Michael Jackson gravou o videoclipe de “They don’t care about us”. Muito graças a essa vista, ótima localização no centro da cidade e ao dinamismo de toda a comunidade, Santa Marta tem crescido em número de visitantes e turistas, o que só pode ter efeitos positivos, tanto na autoestima de quem vive lá, como nas condições econômicas de quem tem negócios no morro.

Esta, apesar de ser uma ação promovida por uma empresa grande, também pode ser replicada por um grupo de pessoas unidas. Curti.

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2014/10/conheca-o-projeto-que-esta-levando-arte-para-dentro-de-uma-favela-no-rj/

  1. Instituição contrata moradores de rua para serem guias turísticos em Barcelona

Taí uma ação que seria pública, mas é incrível! Imaginem que bacana seria a prefeitura contratar moradores de rua em SP, treinar e dar condições mínimas iniciais para que a pessoa pudesse se sustentar depois, e ainda potencializar o turismo na cidade? Gente, como faz pra propor um projeto? Vamos mandar essa ideia pra algum vereador ou deputado? Ia ser legal demais!

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2014/09/sem-tetos-sao-contratados-como-guias-turisticos-em-barcelona/

  1. Mulheres pegam comida no lixo e transformam em pratos para moradores de rua

Infelizmente não encontrei o link dessa notícia, mas li também no hypeness, creio, uma notícia de mulheres que iam até supermercados e Ceasas (que não sei como chama no exterior) e pegavam alimentos em boas condições de consumo, mas que não seriam mais vendidos, e faziam comida para distribuir a moradores de rua. Essa é uma das minhas prediletas, porque combate o desperdício e a fome! Por que jogar comida fora quando tem tanta gente precisando??? Mesmo que você não reproduza a ideia, NÃO JOGUE COMIDA FORA!!!!!!!! Não coloque demais no seu prato. Conheço gente que joga comida fora todo santo dia. Tristeza.

  1. Ainda na questão fome x desperdício: o restaurante “The real junk food”

O desperdício é um dos maiores males do mundo. A triste estimativa é de que 1,3 bilhões de toneladas de alimentos vão parar no lixo anualmente, representando quase 40% da produção global. Para reaproveitar a comida em bom estado jogada fora, e evitar o tal desperdício em quantidades absurdas, o inglês Adam Smith e a brasileira de nome gringo Johanna Hewitt, com a ajuda de amigos que se identificam com a causa, fundaram o projeto “The Real Junk Food”. E assim nasceu o café Pay As You Feel, instalado na cidade de Leeds, no norte da Inglaterra, desde o final de 2013, que utiliza apenas mantimentos que continuam bons para consumo e que iriam para o lixo. Como o nome indica, os clientes pagam o quanto quiserem ou acharem justo pelo que estão consumindo. Ou seja, os responsáveis aproveitam não os alimentos que já foram jogados fora, mas que passaram do prazo de validade e ainda estão totalmente consumíveis, vindos de várias fontes, como supermercados, feiras, restaurantes, entre outros. Tendo isso em mãos, o cardápio varia diariamente, já que é elaborado exatamente com o que há no estoque. O casal também preza por refeições nutricionalmente variadas e equilibradas. EXISTE IDEIA MAIS MARAVILHOSA GENTE???

Fonte: http://www.hypeness.com.br/2014/08/para-combater-o-desperdicio-restaurante-prepara-pratos-com-alimentos-que-seriam-jogados-fora/

Editando o post pra acrescentar um projeto mega maravilhoso e infinitamente simples!!!! Então agora são 11 projetos incríveis! =D

  1. ONG recolhe flores que iriam para o lixo e presenteiam velhinhos em asilos

Sabe o que é feito das flores que enfeitam uma festa de casamento, 15 anos ou outro evento? Vão para o lixo!!! Alguém teve uma ideia linda pra dar um destino melhor para elas! =D Uma ONG recolhe as flores que seriam jogadas no lixo após os eventos e presenteiam velhinhos abandonados pela família em asilos e casas de repouso. Não é uma ideia linda e muito simples?

Já fez algo parecido? Tem alguma ideia incrível? Conta aqui pra mim! =)

Anúncios

5 opiniões sobre “Top 10 projetos incríveis

  1. Nossa que legal!
    Tu sabe que os projetos sobre alimentos me chamam muito mais a atenção.
    e esse de Curitiba? Que máximo! Tão difícil vermos esse tipo de projeto no Brasil e ainda reduz a quantidade de lixo! Amei!

      • governantes burros, falta boa vontade e informação… ih é tanta coisa que nem dá pra ficar falando.
        aqui o problema do lixo é bem complicado, resolvi boa parte com a compostagem e quase nada de industrializados.
        e se existisse um projeto desses poderíamos doar o reciclável pra quem precisa, seria muito bom!

  2. Nossa amiga, que matéria legal.
    Ideias geniais! 🙂

    Poderiam existir grupos do bem, para incentivar outras pessoas…a fazer visitas a asilos, doar um pouco de tempo e carinho a crianças de orfanatos…ou promover um bazar da igualdade como o do texto!

    Hj mesmo estava conversando sobre esse assunto. Viver um pouco pelos outros tb, principalmente pelos menos favorecidos… e não só pra gente mesmo!

    • Mas vc viu como mesmo sem grupos da pra fazer coisas simples e muito legais? Tem um que esqueci de colocar ai, mas eh um pessoal que recolhe flores de festas de casamento que seriam jogadas fora e levam para presentear velhinhos em asilos! Quero muito repeoduzir algumas ideias. Qdo for fazer, vou te chamar. Por ora, se encontrar um morador de rua e tiver com tempo, da um alo pra ele. 🙂 qdo eu fizer, te conto! Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s