10 dicas / pequenas atitudes para se tornar uma pessoa mais ambientalmente responsável

A questão meio ambiente sempre me incomodou muito e sempre me fez pensar.
O assunto tem sido comentado ainda mais com a questão da falta de água em todo o país, especialmente em SP, com os baixos níveis da cantareira. Muita gente coloca a culpa na falta de planejamento do governo do estado, ou no governo federal que aprovou o novo código florestal (que provocou mais desmatamentos e morte de nascentes). E sim, todos eles têm culpa, e muita! Mas temos que pensar também no nosso papel enquanto cidadãos e seres deste planeta. Inspirada por um e-mail de uma amiga que compartilha alguns dos meus pensamentos a respeito de como devemos viver, refleti um pouco sobre a quantidade de lixo que eu, Maísa, produzo.
O link que ela me mandou é esse aqui: http://yogui.co/lauren-singer-vive-em-manhattan-e-vive-com-zero-lixo/
Essa moça adotou várias práticas que reduziu significativamente o lixo que ela produz. Algumas podem parecer muito radicais, mas acho que nos leva a refletir um pouco. Afinal, onde o lixo vai parar depois que é recolhido pelo lixeiro É SIM problema nosso.

Pesquisando um pouco sobre o assunto, os dados são alarmantes:

· Cada brasileiro produz de 600 gramas a 1 quilo de lixo por dia. Se este número for multiplicado pela quantidade de pessoas que moram hoje no Brasil, os números são assustadores, mais de 240 mil toneladas de lixo produzidas diariamente: SOMOS O QUINTO MAIOR PRODUTOR MUNDIAL DE RESÍDUOS;
· Apesar de 45% deste lixo brasileiro ser reciclável (4% é metal, 3% é vidro, 3% é plástico, e papel e papelão somam 25%), o Brasil recicla apenas 2% do lixo urbano;
· 1,3 bilhão de toneladas é a quantidade de lixo mundial atualmente, e pode chegar a 2,2 bi de toneladas até 2025.

Nós não somos o quinto lugar mundial em nada que seja bom, por que ser em algo que seja péssimo? Será que precisamos mesmo produzir um quilo de lixo todo santo dia???

Pensei então em pequenas e simples ações que podemos adotar no dia-a-dia para sermos mais sustentáveis enquanto pessoas:

1. Parem de usar copos de plástico PELO AMOR DE DEUS E DA NATUREZA E DE VOCÊS MESMOS
Chega a ser incrível, mas isso ainda tem que entrar na lista de pequenas ações.
No meu trabalho, não temos moça da limpeza para lavar a louça, logo cada um deve lavar a sua. E o que acontece? A preguiça reina e todo mundo gasta horrores em copos plásticos cada vez que toma um cafezinho ou água. Por favor, usem xícaras e lavem as suas. A área de meio ambiente da empresa já presenteou os funcionários com xícaras e não adiantou. Deixem de ser egoístas e preguiçosos. Grata.

2. Use sacolas sustentáveis no supermercado
Sim, aquela que a gente compra e leva quando vai fazer compras.
Outra que ta mais batida que Roberto Carlos no Natal, mas ainda é preciso lembrar. Eu ando com a minha na mochila, e como 90% do meu tempo eu to com a mochila, a chance de eu passar no supermercado sem a sacola é baixa.

3. Compre mais coisas a granel
Já pensou na quantidade de coisas que compramos em pequenas embalagens plásticas e que vão parar no lixo todos os dias? Pois é, eu também não tinha pensado até ler o link da amiga que comentei acima.
Eu comecei a adotar esta prática por causa de desperdício, acabava comprando uma embalagem com uma quantidade maior que a necessária e parte do alimento acabava estragando. Comprando a granel você economiza embalagem e dinheiro. Se não tem pena do meio ambiente e das pessoas que passam fome enquanto kg de comida vão parar no lixo todos os dias, tenha pena do seu bolso! Ah, mas ir somente ao supermercado é mais prático. É, mas isso vai aumentar o número de lugares que você vai no mês em UM, provavelmente.
Coisas que podem ser compradas facilmente no granel: frutas secas, castanhas, todos os tipos de ervas e temperos, grãos (arroz, feijão, lentilhas etc). Leve suas vasilhas e seja mais sustentável!

4. Para quem tem filhos pequenos: use fraldas descartáveis biodegradáveis
Milhões de fraldas descartáveis poluem o meio ambiente todos os dias. Ok, usar fraldas de pano é demais, também acho, mas que tal fraldas biodegradáveis? A marca se chama Wiona. São mais caras, claro, mas vale a pena pelo menos revezar. Essa ainda não adotei porque ainda não tenho filhos, mas pretendo.

5. Compre embalagens grandes de produtos de limpeza
5 litros de água sanitária, pacotes com várias barras de sabão ou papel higiênico. Além de economizar em dinheiro, você vai economizar em embalagem também.

6. Mora em casa? Use o lixo orgânico para adubar!
E separe o lixo seco para entregar na associação de catadores (não adianta separar e botar na rua se a sua cidade não tem coleta seletiva).

7. Para mulheres: substitua o absorvente pelo copo menstrual
Esse copo custa em média 80 reais, mas dura dez anos. Me pareceu uma ideia estranha a princípio e ainda não testei, mas fui comentar com a mesma amiga que falei dela acima, e pra minha surpresa ela usava! Bem, melhor transcrever as próprias palavras dela:

“e o cheiro ruim de menstruação? NADA! Fora que absorvente interno faz mal (li um estudo sobre o assunto, procura aí) e externo dá alergias, contato com o ar (muito anti higiênico isso) e cheiro ruim. Claro que não tem a mínima chance de bactérias com o copo, pq é assim -tu esteriliza ele antes de usar (no 1º dia) daí lava bem as mãos e coloca. Qdo vai tirar, lava as mãos de novo e vira ele no vaso. Não tem como contaminar isso, fica lá dentro de ti, o absorvente normal é muito mais fácil de contaminar. Aliás, eu sempre tive uns negócios acusando no meu papanicolau (células epteliais alterações inflamatórias – fui ler o nome do negócio, rs) sempre! fazia o exame, usava o creme ginecológico e seis meses depois lá tava de novo a mesma coisa. agora já faz mais de um ano que não tenho.”

Só no Brasil, existem aproximadamente 50 milhões de mulheres em idade fértil. Se cada uma usa em média um pacote de absorventes por mês, são 500 MILHÕES de absorventes no lixo SOMENTE NO BRASIL. 6 BILHÕES POR ANO SÓ NO BRASIL.
Bem, acho que vale a tentativa.
Saiba mais sobre o copo aqui: http://mulher.terra.com.br/comportamento/saiba-mais-sobre-o-copo-menstrual-que-substitui-o-absorvente,5f59430f5de27310VgnCLD100000bbcceb0aRCRD.html

8. Eduque seus filhos
Me da tristeza passar na praia e ver a quantidade de lixo que as crianças largam na areia e no mar. Mas elas fazem isso porque não foram ensinadas que não podem. Tenho certeza que em casa a maioria delas joga o lixo no lixo. E por que não o fazem em outros lugares? Porque não foram ensinadas. Então, eduque seus filhos com atitudes responsáveis se quiser que eles cresçam vendo este mesmo mar e florestas.

9. Faça seu papel de cidadão
E cobre de quem você acha que deve. Outro dia estava reparando no tamanho da embalagem do meu AC. A cartela do remédio é pequena e a embalagem cabe mais uns cinco. Entrei em contato com a empresa responsável e registrei uma reclamação, pois estão gastando papel, água e meu dinheiro desnecessariamente! Devemos consumir de empresas também sustentáveis.

10. Pela volta dos retornáveis
Essa não é uma dica para as pessoas, mas um pedido que poderia, inclusive, virar lei. Nós retrocedemos nesse sentido. Antigamente, várias embalagens eram retornáveis, hoje não mais e a produção de lixo só aumenta. Deveríamos fazer no Brasil como fazem na Alemanha. Toda vez que você comprar coisas em embalagens de vidro ou plástico, é cobrado o valor do produto mais uma taxa pela embalagem. Essa taxa só pode ser recuperada com a devolução da embalagem. Isso aumentaria muito a taxa de retorno dessas embalagens e as empresas as destinariam para a reciclagem. Olha que coisa fantástica! Devia virar lei, alguém sabe como podemos sugerir um projeto de lei? 🙂

Bem, não espero que todo mundo vire um ecochato do dia pra noite, mas espero que vocês possam refletir no que podem melhorar, assim como eu fiz.

Anúncios

6 opiniões sobre “10 dicas / pequenas atitudes para se tornar uma pessoa mais ambientalmente responsável

  1. Ahh que legal!
    Já adoto quase todas as idéias, tu sabe.
    Mas quem mora em apartamento tbm pode usar lixo orgânico com aquelas composteiras pequenas e que não deixam sair cheiro nenhum e fazer uma hortinha em vasos com temperos, tomatinhos, espinafres… (já aproveita e come um pouquinho mais saudável, tudo orgânico!).
    E qto aos retornáveis é fantástico o que fazem na Alemanha. Aqui por enquanto podíamos reduzir o consumo de alumas coisas como refrigerante por exemplo um item à menos para poluir e que não faz nenhum bem pra saúde.

    Bjos pra ti 😉

  2. :/
    Palavras minhas não tem nenhuma?
    Eu que sou a engenheira florestal da parada?
    humpf
    hauhauhauahuahuahauhauhauhauha
    é o meu comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s